Município de Seia







sig



 
 

 

 

 

  • 1
  • 2
Prev Next
Campanha de recolha de livros escolares
6ª Prova da Taça de Portugal - XCO Internacional

rbems


     

sexta, 08 junho 2012 16:54

Praia de Loriga com qualidade de ouro

A praia fluvial de Loriga foi uma vez mais galardoada com qualidade de ouro, uma menção atribuída pela Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza e que tem em consideração a qualidade das águas balneares em Portugal, com base na informação pública oficial, disponibilizada pelo Instituto da Água através do Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos (SNIRH).

No caso de Loriga, para além de ser uma das 21 finalistas das 7 Maravilhas de Praias de Portugal, concorrendo na categoria de praias de rios, esta praia fluvial foi ainda atribuída recentemente a Bandeira Azul a que se soma agora a classificação de praia com qualidade de ouro.

No total a Quercus identificou 290 praias com qualidade de ouro em Portugal, mais quatro que no ano anterior, em que 11 são praias interiores (menos uma que em 2011).

Para receber a classificação de praia com qualidade de ouro, uma zona balnear tem de respeitar os seguintes critérios:
- Qualidade da água boa nas três épocas balneares entre os anos de 2007 e 2009 (“boa” era, até 2019, a melhor qualidade possível de acordo com a anterior legislação europeia);
- Qualidade da água excelente nas duas últimas épocas balneares de 2010 e 2011;
- Todas as análises realizadas na última época balnear (de 2011) foram excelentes.

Esta avaliação efetuada pela Quercus é mais limitada em comparação com a atribuição da Bandeira Azul, ao basear-se apenas na qualidade da água das praias, apesar de ser mais exigente neste aspeto em específico. A classificação geral das praias em termos de qualidade da água é disponibilizada pelo Instituto da Água ao abrigo da legislação nacional e comunitária (dados consultáveis através do sítio snirh.pt).

O objetivo da Quercus é realçar as praias que ao longo de vários anos (cinco, neste caso), apresentam sistematicamente boa qualidade ou qualidade excelente (tendo em conta a classificação da legislação em vigor), e que, nesse sentido, oferecem uma maior fiabilidade no que respeita à qualidade da água.

Ficam de fora desta lista as zonas balneares com menos de cinco anos e aquelas que só mais recentemente viram resolvidos os seus problemas de poluição ou onde se tenha verificado na última época balnear uma qualquer análise de qualidade inferior a excelente.

     

 



Newsletter

Desenvolvido por: Mixlife

Município de Seia - Todos os direitos reservados.